Palavras de Rhamm Thrash via Facebook


”Taubaté, alias o Vale do Paraíba vem tendo um ótimo desenvolvimento na cena independente, isso me deixa muito feliz, não só por mim, mas a força de todos que confiam no seu próprio trabalho. O estilo é esse, atitude!!!”

O brasileiro Rhamm Thrash que vem com tudo em seu novo LP Quasar.

cqlddqmw8aajdpn

Bass Music marca primeiro álbum de Rhamm Thrash


cqa4aptwiae_atf-1

Novidade na cena “bass” nacional! “Um Quasar é um objeto astronômico distante e poderosamente energético com um núcleo galáctico ativo, de tamanho maior que o de uma estrela, porém menor do que o mínimo para ser considerado uma galáxia.” É isso que você precisa saber ao conhecer o novo álbum do promissor artista Rhamm Thrash.

Diretamente de Taubaté, o produtor eleva a música para outra dimensões. Explorando as frequências sonoras do grave e de timbres metálicos, a explosão sonora vista no álbum Quasar é o resultado de dois anos de trabalho.

Ramomm, o produtor por trás desse projeto, é artista e formado em Artes plástica. Se jogou de cabeça no universo musical, no qual traz seu sustento com oficinas e palestras sobre música. Este é o terceiro trabalho autoral do produtor que sempre explorou o Dubstep, Trap e vertentes da bass music.

10601813_349068931916567_1029070052_nfgdfg

Cada música deste trabalho reflete um pensamento do produtor, que optou por viver de música e explorar isso ao máximo – incluindo as dificuldades, do que tratá-la como hobby. E Quasar consegue mostrar essa dinâmica do produtor, que em oito músicas explora ritmos diferentes com dinâmicas diferentes. Um universo sonoro, amplamente construído sobre linhas de graves.

A gravadora que lança o álbum, a Dirty Kidz, disponibilizou o álbum no Spotify e outras plataformas de música. Ouça abaixo, ou clique aqui para download.

13307404_625302560953422_4443474372811590157_n

Gran Fran estará na nova Mixtape do Rhamm Thrash com o remix direto da NASA em Bass!


 

  • Quem ama Electro? Bass? Grime? Trap? Curte um EDM bem massivo! já sei, adora pular bastante né?

12814671_589113351239010_5893719830577879701_n

Ambos se conheceram já faz um tempo no mercado da musica, e se aproximaram através de diversos fatores a diversão e a criação faz parte desses dois artistas, que se divertem de uma forma responsável e interessante à musica eletrônica nacional, escute essa pancada do paulistano Gran Fran, remix pro Rhamm Thrash ficou irado!!

  • Gran Fran vai estar na nova Mixtape do Rhamm Thrash com o remix direto da NASA em Bass!

15055786_1411011982261168_3933401531310998360_n

crfzg77wuaaoph-1

Fernando Lima e Rhamm Thrash estiveram em estúdio, se liga no lançamento!


  • Gosta de Techno? 

1654194_812361265445200_1909149777_n

Os brasileiros que representam muito bem musica eletrônica realizaram uma junção de ideias ao lançar ”Dance” que teve o vocal gravado por ambos. O ritmo é dançar e você vai entrar na roda, aperte e play… Escute direto pelo Beatport! é a Terminal 72 em composição.

1654194_812361265445200_1909149777_n

Artista Plastico e Produtor, saiba mais sobre Rhamm Thrash o primeiro influenciador à cena independente no Vale do Paraíba.


  • Sim! Quasar Gang tá na área!

942841_298475256954326_586662348_n-1

Diretamente de Taubaté SP BR, o produtor eleva a música para outra dimensões. Explorando as frequências sonoras do grave e de timbres metálicos, a explosão sonora vista no álbum Quasar é o resultado de dois anos de trabalho.

Ramonn Rodrigues, o produtor por trás desse projeto, é artista e formado em Artes plástica. Se jogou de cabeça no universo musical, no qual traz seu sustento com oficinas e palestras sobre música. Este é o terceiro trabalho autoral do produtor que sempre explorou o Grime, Dubstep, Trap e vertentes da Bass music.

Quasar Gang é o recheio? Está quente escute com atenção!

Cada música deste trabalho reflete um pensamento do produtor, que optou por viver de música e explorar isso ao máximo – incluindo as dificuldades, do que tratá-la como hobby. E Quasar consegue mostrar essa dinâmica do produtor, que em oito músicas explora ritmos diferentes com dinâmicas diferentes. Um universo sonoro, amplamente construído sobre linhas de graves.

Texto: Renato Martins